Angel Beats! – Conclusão

Olá a todos os leitores! Hoje é o dia da grande final da Copa do Mundo da Fifa! E como bom amante do esporte bretão, dedicarei esse post para falar sobre um anime futebolístico: Inazuma Eleven.

Ok, só brincando, nunca vi nem um episódio de Inazuma. Na verdade hoje o post continua sendo na sequência que havia prometido; um de primeiras impressões e outro de conclusões. Talvez isso mude um pouco na próxima semana quando entro de férias, mas por enquanto continuamos assim. Portanto, sem mais delongas, Angel Beats!.

Esse post possui spoilers sobre o fim da série. Leia por conta e risco.

All Characters of the anime Angel Beats! Alguns meses atrás, enquanto escolhia qual animes acompanhar na primavera japonesa, nem de longe me passava na cabeça a ideia de assistir Angel Beats!. Sendo sincero, o anime parecia algo bem genérico e sem carisma.

Eu não poderia estar mais errado.

A verdade é que eu só fui assisti-lo depois de ouvir pessoas que eu reconheço e respeito falando bem. Resolvi apostar, não tinha nada a perder assistindo o primeiro episódio. É provável que essa falta de expectativas tenha feito com que eu tenha aproveitado o anime muito mais do que se estivesse tão empolgado como muitas pessoas estavam.

Em meu post relatando as primeiras impressões do anime, lembro de ter sido bem cético, mesmo reconhecendo a animação fantástica do estúdio P.A. Works e o potencial do anime, o primeiro episódio confuso me deixou questionando se Angel Beats! poderia ser tudo aquilo que prometia.

Observando o gráfico formado pelas notas que ia dando à cada episódio episódio seria fácil pensar que Angel Beats! foi uma série mediana com muitos altos e baixos. Porém, uma análise mais precisa mostra o crescimento da série, indo de grandes momentos que facilmente passavam da nota nove e que depois episódio 7 não saiu mais deste patamar, principalmente no seu rumo final, resultando em sua nota mais alta no episódio final.

Ainda pensando nas minhas primeiras impressões, para mim havia duas condições para que o anime fosse realmente bom, apesar de já saber desde ali que o sucesso seria garantido pelo menos para o público geral; (1) explicações boas o suficiente para justificar a confusão que imperava no começo e (2) a forma como tudo seria resolvido com apenas 13 episódios.

Show of the anime Angel Beats! Girls Dead MonsterSobre o primeiro quesito, descobrimos não somente que o Anjo na verdade não era um anjo, mas sim um ser humano como todos os outros que lutavam por lá, mas também que aquele “purgatório” servia para que pessoas que morreram, mas que ainda guardavam rancores e pendências do mundo anterior, pudessem ter uma vida completa de outra forma. Pensando um pouco agora, é fácil perceber as ligações do anime com a psicanálise freudiana das neuroses.

Já o segundo quesito fiquei muito receoso de que não iria ser completado, já que os capítulos passavam e as explicações não surgiam. Mas quando finalmente elas começaram a aparecer, o anime deslanchou, desenlaçando os passados de personagens chaves, mesmo que à custa de muitos outros que não tiveram seus passados explorados. Um mal necessário para um anime curto.

Angel Beats! é um anime que se aprimora com o passar do tempo, dando a certeza de que há alguém por trás dele que sabe o que está fazendo. No caso temos a dupla já famosa por outros animes (Air, Kanon, Clanned), Jun Maeda e Na-Ga. Com maestria o anime é guiado para um fim que se eu tivesse que caracterizar com apenas um adjetivo com toda certeza seria “corajoso”.

Sim, “corajoso”. Deixar um anime onde em quase todo episódio (se não todos) havia alguma disputa armada ou algum trauma passado a ser desvendado, com apenas seis personagens restantes, e mais ainda, tirar daquela que seria a protagonista todo esse papel e dá-lo para aquela que seria a antagonista foi uma virada e tanto.

Apesar das críticas que esse episódio final recebeu, seja pelo seu passo lento (que na minha opinião foi mais do que apropriado, fechando a obra de forma realmente marcante) ou por possíveis furos no enredo (que são facilmente explicáveis para qualquer um que possa teorizar um pouco além do óbvio), Angel Beats! trás um final dramático que levou muitos às lágrimas e consegue terminar verdadeiro consigo mesmo.

De um anime quase despercebido, Angel Beats! passou a ser pra mim um dos candidatos a melhor do ano. Se você gosta de uma animação afiada, um roteiro intrigante, mas que sabe se resolver, de personagens principais que vão além de uma casca em 2D e secundários que dão um grande charme ao elenco, aliado a um drama pesado e emocionante, mesmo com momentos altamente cômicos, não deixe esse anime passar, acredito que não vai se arrepender!

PS: Ok, não dava pra explicar o passado de todo mundo em 13 episódios, mas eu realmente queria saber o que aconteceu o TK, melhor personagem coadjuvante da série!

Esse post foi publicado em Animes, Conclusões e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

27 respostas para Angel Beats! – Conclusão

  1. Pingback: Tweets that mention Angel Beats! – Conclusões | Gyabbo! -- Topsy.com

  2. Wee-Kun disse:

    Eu esperava pelo lançamento desse anime desde que anunciaram,mas quando lançou eu acabei não assistindo,só fui começar a assistir quando o anime ja tava no episódio 10,de certa forma foi até melhor porque pude ver varios episódios de uma vez!
    Eu não esperava um final como aquele,foi ousado e surpreendente!
    Cara também fiquei curioso pra saber o passado do TK!

  3. Leandro Nisishima disse:

    Achei que só eu achava o TK legal XD. Mas não sei, se tivesse alguma coisa trágica envolvendo ele seria muito estranho. O TK sempre foi aquele personagem carismático, tragédia não combina com ele. E eu avisei que esse anime iria surpreender nas minhas primeiras impressões (apesar das críticas minhas e do pessoal), que era melhor não subestimar AB, pelo visto eu estava certo ^^.

  4. Igor Ditsuo disse:

    Esse anime é fabuloso, porém acho que o enredo ficou muito pequeno para o número de episódios.

    ;D

  5. Engraçado, de início eu também achei que Angel Beats era mais um anime genérico da temporada, não sabia que havia tanto hype por ele. Na época comentei com um amigo que estava assistindo à série e a primeira impressão dele era de que era uma cópia de Haruhi, até que tentei explicar que a história era outra.

    Gostei bastante e estou revendo a série. Vejo que faz sentido o início ser confuso, é como se o ponto de vista seguisse o protagonista Otonashi, que também não entende nada naquele momento.

    Enfim, como muitos eu tb desejaria ter visto o passado dos outros personagens. Mas confesso que tb é divertido imaginar e supor idéias sobre eles :D

  6. Panina Manina disse:

    Quer saber o que aconteceu?
    Depois que a Iwasawa pulou fora para seguir carreira solo, eles trocaram umas ideias e atualmente lançaram Girls Dead Monster – Angel Beats feat. T.K

  7. Panina Manina disse:

    Lembrando pessoal, que esse é um projeto “multimídia”.
    O que quer dizer que antes e depois serão publicadas obras paralelas.
    Já existem novels que contam a história da Shiina, por exemplo.

  8. fanfinir disse:

    Realmente o anime é fora de série e deu receio de ser u mdesatre ate que chegou ao episodio 7. Crei oque se o autor tiver o minimo de inteligencia e sacar o filao que ainda há para angel beats e só fazer 4 OVa’s de 50 minutos e explciar nos dois primeiros os bastitoderes e claro nos dois ultimos dar um pos end ao encontro de todos em um futuro proximo e dar um happy end mais lacrimosos que esse.. si meu tb chorei kkkkk.

    quanto ao TK ele tinha umas frases de impacto, nao fala va uma frase em japones o que me leva a pensar sera que ele era aluno de intercambio? Foi morto pelos seus colegas q nao entendiam nada do que ele falava? Morreu em uma discoteca fazendo um movimento na psita de dança mais dificil que o twist carpado da daiane dos santos? Misterios…..

  9. Lucas Navarro disse:

    Embora tenha muitos furos de enredo, e dois ou três episódios engraçdos mas dispensaveis, é para mim um dos melhores animes do ano.

  10. Pato_Supersonico disse:

    Parabéns pelo excelente texto, Fanta. =)

    Minha única queixa é sobre esta passagem aqui.

    “Sobre o primeiro quesito, descobrimos não somente que o Anjo na verdade não era um anjo, mas sim um ser humano como todos os outros que lutavam por lá, mas também que aquele “purgatório” servia para que pessoas que morreram, mas que ainda guardavam rancores e pendências do mundo anterior, pudessem ter uma vida completa de outra forma. Pensando um pouco agora, é fácil perceber as ligações do anime com a psicanálise freudiana das neuroses.”

    Eu ainda não assisti este anime, e esse BAITA SPOILER estragou o meu dia. =(

    Minha sugestão é que, nestes casos, você deve evitar descrições, falando suas avaliações sem falar sobre o que está sendo avaliado. Por exemplo, pode fazer comentários como “Achei isso, isso e isso sobre aquela revelação do final (…” mas sem dizer que revelação foi esta. Falar de detalhes é desnecessário para quem já assistiu e incômodo para quem ainda não assistiu.

  11. Denys Fantasma Almeida disse:

    Peço desculpas Pato, sei como é chato receber spoilers, ainda mais de séries tão boas. Sinceras desculpas.

    A verdade é que eu ia colocar um aviso no post sobre possíveis spoilers, como fiz no post de Brotherhood, mas acabei esquecendo, vou até editar.

    Gyabbo!

  12. jR disse:

    Denys
    Vc nem flw sobre a trilha sonora.. eu gostei MUITO mesmo.. acho q maioria do pessoal tbm
    Opening e Ending nota 10 mesmo.. as musicas q tocam durante anime tbm..
    Angel Beats é epico como diziam em outro site.. apaixonei pela historia e pelos personagens… Um final um pouco triste, mas sensacional..
    Episodios 10 e 13 são marcantes..
    5 é bem engraçado
    Ansioso pelo episodio extra no DVD qnd será q lançam? talvez algo sobre o passado de TK e outros coadjuvantes .. ow como eles ficaram no “mundo real”..

  13. Denys Fantasma Almeida disse:

    @jR
    É verdade, acabei não falando da trilha sonora do anime que é muito boa. A opening é linda e surpreendente, a ending também, além daquele efeito que no capítulo final foi meio que um “plot twist”, isso sem contar com as músicas tocadas pela banda do anime, muito empolgantes e responsáveis por uma das melhores cenas logo no primeiro episódio!

    E que venha o capítulo extra!

    Gyabbo!

  14. fanfinir disse:

    Quanto a reclamação do Pato não procede. A noticia e Angel Beats – conclusões e evc mesmo ja fala que o anime acabou…putz e obvio que vai se falar no contexto geral e tudo o que for falado nao e mais spoiler justamente poq acabou. Se a pessoa ne massitiu nao deveria ler um artigo como esse. dahhhhhhhhhh

  15. fanfinir disse:

    quanto as musicas relamente sao otimas e se nao me engano no episodio 4 (essa e para vc pato chorao kkkkkk) a musica vem em versão rock cantada pelo nova vocalista ue ficou otimo. Highest Life cantada pela banda Gilrs Dead Monsters e linda tb. E My song nem se fala!!!!

  16. Pato_Supersonico disse:

    fanfinir;

    Se você procurar direito, verá que há muito autores que são plenamente capazes de analizar obras, comentá-las e apresentar conclusões sobre estas sem soltar spoilers.

    É difícil, é verdade, mas é justamente isso que permite ao blogueiro demostrar seu domínio sobre as palavras.

  17. Carissimo Pato disse:

    Grato pela sua preocupação em me explicar que a procura me faria entender sua argumentação, mas continnuo contra, pois para mim foi claro quando a materia e aberta da seguinte forma: Angel Beats! – Conclusões e quem acompanha animes ja saberia que o mesmo ja acabou, mesmo não tendo tempo para ver como é o seu caso, então a aparição de spoilers (o que não são mais ao meu ver) é algo natural. Fiquei muito feliz com os comentarios do autor que sob direcionar muito bem o seu texto e me deixa muito chateado ver alguem chorar pq se acha prejudicado e blah blah. bom engole o choro e ve o anime pois os de temporada são assim rapidos de conclusão como Durarara! Por falar em Durarara! vc permite o dono do blog tecer algum comentari oja que acabou ou tb e spoiler e vai estragar seu dia…….aff.

  18. Pato_Supersonico disse:

    Caro “Carissimo Pato”

    Note que, embora eu tenha reclamado do spoiler não-avisado, eu não disse que textos assim não possam tê-los, disse apenas que não prescisam tê-los, é que é prático que não os tenham. Como frequentador regular deste blog, eu tenho tanto direito quanto quaisquer outros em contribuir para a melhoria da qualidade deste blog, inclusive com críticas contrutivas e sugestões.

    Embora os textos de conclusões, de análises, de avaliações e afins sejam apenas uma exposição de opinião pessoal por parte dos blogueiros sobre o que assistiram, eles são especialmente apreciados (e consequentemente, procurados) por aqueles que, por algum motivo, seja conexão lenta, falta de tempo, ou mesmo capricho pessoal, não podem se dar ao luxo de assistir todos os animes lançados no mercado, e por isso tentam se informar sobre os ditos cujos para assim escolherem o que irão assistir.

    Como estes textos, pelos motivos acima expostos, são muito procurados por pessoas que ainda não assistiram o anime sobre o qual falam, é altamente aconselhável ao blogueiro evitar usar de spoiler ou, pelo menos, alertar o visitante da presença deles.

    Sem mais.

  19. Sawada disse:

    Bem, eu havia tirado uma conclusão sobre a morte do Hinata, que ele morreu devido ás drogas oferecidas á ele pelo seu treinador, pode parecer até óbvio para alguns mas, conversando com um amigo que já assistiu ao anime, ele insistiu na ideia de que a autora deixou uma “charada” para nós, se ele havia usado ou não, para várias isso ainde pode ser uma dúvida e vi que não tem nenhum blog que mostrou a cara para deixar mais “clara” essa parte, gostei bastante do anime, mas enfim, parabéns pelo post e pelo blog, começei a acessar essa semana e me interessei em diversos artigos.

  20. Pingback: Ookami-san to Shichinin no Nakamatachi – Primeiras impressões | Gyabbo!

  21. Jessy disse:

    Ah, Angel Beats é sinceramente meu anime favorito e eu comecei a assisti-lo de uma forma random (como a maioria dos que eu assisto) simplesmente vi o link no site que eu costumo baixar e comecei a assistir e pronto! No episódio 3 eu estava apaixonada pelo enredo, ele aborda questões filosóficas que chegam a fazer parte da minha história, sem contar que ter uma banda com músicas ótimas e episódios cômicos intercalados com dramáticos a um ponto de quase (como quase?) me fazer chorar fez com que ele se tornasse definitivamente meu anime favorito.
    E pelo seu ranking parece que você não gosta muito da Yui, o que é realmente uma pena, é a minha personagem favorita do anime todo e maei ela ter tido uma explicação tão dramática pra uma personagem tão animada
    E pra quem falou que achava que ninguém gostava do TK, todos os meus anigos que gostam de AB são fãs do TK ^^

  22. Thainá disse:

    AB! Foi meu anime favorito desse ano, batendo cabeça apenas, é claro, com FullMetal Brotherhood. Chorei horrores, de fato… E ri, e chorei de novo. Todas as pequenas histórias eram lindas e cheia dos seus significados. Acompanhei empolgadissima do começo ao fim.
    Só achei que ficou mal explicada a coisa do coração da Kanade… Quero dizer, ela já estava lá quando ele morreu. Não havia meio dela ter recebido o coração dele… Se bem que, já que ele já havia se resolvido quando morreu, ele já era especial de todo jeito. Vai que ele foi pra lá só pra libertar a Kanade, no final das contas :~
    No geral, acho que AB! ainda dá muito pano pra manga. Tomara que eles façam altos OVAS e coisas do genêro, por que ficaram várias ganchos para puxar novas histórias… aposto que muita gente ia adorar. Eu ia *-*

  23. Gabriel disse:

    Caramba, Angel Beats foi MUITO bom! *-*

    Não conhecia o trabalho da P.A Works, e pude comprovar a potência desse estúdio. Sério, ficava impressionado com o fato de, até nas cenas que retratavam o cotidiano, a qualidade manter-se impecável!
    Sou ruim pra chorar em anime, mas esse me arrancou umas gotinhas, hehe ;D
    Quanto ao enredo, achei ele bastante subjetivo. Várias teorias de psicologia moderna envolvidas e um poço de reflexões legais pra nossa própria vida.

    No geral, personagens carismáticos, apaixonantes e complexos.
    Me surpreendeu o Otonashi e a Kaede “se amando” no final e…cada personagem conseguiu realmente deixar saudade e criar um clima “mágico”. Aprovado.

  24. phelipe disse:

    Sawada.. O Hinata morreu atropelado por um caminhão, o mangá de Angel Beats! Heavens Door mostra isso claramente.. ^^
    Mas sim, o anime é ótimo, eu fiquei igual o Otonashi no epi 13 O.O.. esse anime me fez rir(muito… epi 2, 5 e 10 (partes da yui no futeboll ehAUEAHueahe)), chorar, ficar com raiva, medo (eu tava com medo do Naoi, ELE É GAY! nada contra. Mas ficar segurando a mão de um menino e quase beijando ele é tenso…), e tbm me fez querer aprender tocar as musicas do Girls Dead Monster. Pra quem nao sabe.. vai lançar um epi extra, Stairway to Heaven.. eu acredito q seja um epilogo, ou episódio com nada ver com a historia. Até ¦D

  25. Yui-Nyah disse:

    Angel Beats foi uns dos muitos animes que me fez chorar… Deste do 1 episódio (Que me fez chorar de rir)

    O Final de angel beats pra mim foi péssimo e me levou a ficar de boca aberta e a pensar “O que aconteceu?” Pois ele não teve um sinal mesmo já que acabou com a kanade vendo o Yuzuru no mundo normal e depois acabou… depois lançaram o OVA e pronto…

    O que me deixou com mais raiva nesse anime é só ter mostrado 3 nada mais nada menos que 3 mortes (Otonashi, Iwasanawa (Desculpe-me se errei a escrita) e a irmã do otonashi que nemsei se posso contar) Mais e a Yui e a Yuri? Que mostraram suas histórias mas e suas mortes?No anime a parte que mais chorei foi na hora da morte da Yui ^^ Achei linda pois foi emocionante o jeito que eles passaram um recado que a aparencia ou condições fisicas não importam… Yuri… Perdeu os irmãos… se machucou levou a culpa de tudo mas como ela morreu?Ela morreu quando adolecente (Pelo o que é mostrado já que ela levou a forma de uma adolecente para o “Purgatorio” então o que aconteceu? E O TK? e aquela menina sombria que é apaixonada por bichinhos kawaiis? Quem era e o que era aquele menino que criou as sombras? Tantas duvidas que foram sem ser exclarecidas… e a Yui? COMO ELA MORREU? ela foi mostrada que quando pequena virou tetraplégica mais me responda… COMO E O QUE LEVOU A MORTE DELA? e o Hinata? O seu treinador o ofereceu drogas mais e ele tomou? a morte dele nunca foi exclarecida e olha que foi uns dos melhores personagens para mim…

    Mesmo assim o anime deu muitas lições… ao chegar no episódio do Hinata perdi meu som ou seja fui só pela legenda mesmo… sem mais nem menos… o anime me fez rir mesmo sem ouvir nenhum som (Alguns me achavam louca) e me fez chorar em outros… fico me perguntando… por que será que ninguém procura animes assim? Tem gente que diz naruto é o melhor… meu amigo me diz isso e ai eu faço questão de revidar:! Mais no unico rank que entrou entrou em 43 lugar ¬¬” Pelo amor de deus… Animes como angel beats não encontro em toda esquina…FOi lançado em abril se bem em lembro de 2010… de-repente sem mais nem menos alguns messes depois (2 3 messes) ficou perdo de K-On um anime que todos me dizem ótimos (Mais que ainda não tive a chance de ver) ele conseguir ficar em 2 num rank que aconteceu poucos messes depois do seu fim…perdendo só para K-On e agora em 2011 esse anime com pouca popularidade ainda conseguir 1 lugar no top 50 de melhores animes da 1 decada do seculo 21… Animes como Angel beats só achei mais 2 Ano Hana e Hanbun tsuki ga noboru sora… e mal se comparam… então por favor… porsers de otaku e otomes… parem de falar de Naruto tá? Voltanto pra angel beats… Ainda espero que o OVA seja traduzido (Ou eu encontrei a tradução em LEGENDAS pq dublado nunca) O Ova que mostra como eles ficaram pois aquele que a yui ainda aparece lá no mundo dos mortos eu já vi… Agradeço a vocês que me fizeram assistir com suas criticas ótimas e falo

    IGUAL A ANGEL BEATS NEM CLONANDO

  26. Marco-kun disse:

    Também fiquei curioso sobre o passado do TK D:
    No mais, ótima análise ^^

  27. samurandre disse:

    esse animé é tao bom quanto digimon….

    TT_TT

Os comentários estão encerrados.