Occult Academy – Primeiras impressões

Olá a todos! Como estão nessa quarta-feira? Eu estou bem cansado, depois de muito tempo de sedentarismo fui jogar um pouco de futebol com uns colegas e como fiquei cansado! Mas foi muito bom, sempre esqueço como gosto de praticar esportes, preciso sair do sedentarismo!

Mas enfim, o post de hoje, como sempre, não tem nada a ver com esse parágrafo inicial, mas sim com mais uma estréia da temporada. Apesar de já estar no seu segundo episódio, estarei fazendo minhas primeiras impressões baseadas no primeiro episódio de Occult Academy ou Seikimatsu Occult Gakuin no original.

Pode soar repetitivo e você provavelmente já deve ter lido isso em outros blogs à essa altura, mas nunca é demais repetir. Occult Academy é a terceira empreitada da Aniplex com seu bloco Anime no Chikara e talvez a última.

Digo isso primeiro por que só foram anunciados três animes para esse bloco; Sora no Woto, Senkou no Night Raid e este que estou comentando agora. Os dois primeiros, apesar da grande expectativa de muitos fãs de anime (e me coloco aqui nessas expectativas), não conseguiram corresponder, seja em enredo ou em vendas, por motivos que você pode ler aqui no caso do primeiro anime do bloco. Sendo assim, se Occult Academy não der a resposta esperada será que o “Poder dos Animes” continuará? Anime é entretenimento e  queira ou não, entretenimento vive de lucro, a responsabilidade é grande.

Mas analisando pelo primeiro episódio, podemos esperar que o bloco ganhe forças novamente e consiga trazer outros animes originais. Digo isso por que o que tivemos foi provavelmente o melhor que a temporada de verão apresentou até agora. Mesmo se comparado (em suas devidas proporções de gênero e público-alvo) com o empolgante primeiro episódio de Highschool of The Dead, Occult Academy consegue rivalizar e possivelmente sair na frente.

O início propriamente dito já nos mostra que a mistura sobrenatural-comédia-escolar pode funcionar bem melhor do que se poderia supor (como eu mesmo questionei no Anime Records #1). Aparentemente uma cena sem muito nexo com o resto do episódio, já deixa o espectador com diversas perguntas na cabeça e buscando por respostas. Mas como tudo que é bom fica pro final, teremos que aguardar para tê-las.

A história gira em torno de Maya Kumashiro, cujo pai era o diretor de uma gigantesca escola-universidade (e quando digo gigantesca, não estou brincando, é em cima de montes!) que se dedica a estudar coisas relacionadas ao oculto e o paranormal.

Se eu tivesse que apontar o ponto mais positivo do que vi, certamente seria a protagonista. Maya em um único episódio se mostrou uma personagem muito mais forte e carismática do que centenas que passaram por diversos animes. Apesar de forte naquilo que acredita, transparecendo um ar de durona, Maya tem suas emoções habilmente moldadas pelo diretor Kitakubo Hiroyuki. Ela não é uma folha de papel presa dentro de um estereótipo, mas uma pessoa verdadeira, que se mantém na sua personalidade, mas se surpreende quando algo surpreendente acontece ou se assusta quando algo assustador realmente acontece. Salvo um caminho muito mal feito, temos aqui uma verdadeira personagem tridimensional, pronta para agarrar o posto de melhor personagem feminina da temporada.

Mas é claro que a minha empolgação não estaria tão alta simplesmente por causa de uma única personagem, apesar de isso contar muito. Temos aqui um trabalho perfeito em animação do estúdio A-1, com movimentos e efeitos que fluem pela tela sem nunca se perderem.

A abertura é um tanto surreal, o que consegue aquilo que uma abertura deve fazer; dar o tom certo para aquilo que será visto durante os episódios. Pode ser bobagem minha, mas lembra um pouco a abertura de Higashi no Eden, só que mais surreal. O encerramento é algo a chamar atenção, já que aqui não temos animações, mas sim um curta com garotas de carne e osso. Saída interessante.

Junte uma animação de altíssimo nível, a última esperança de um bloco que tinha tudo para dar certo, uma personagem bonita e com uma verdadeira personalidade, coloque um pouco de sobrenatural que não faria vergonha em um anime como Ghost Hunt e termine com tons de comédia. Tudo isso, executado de forma magnífica, faz de Occult Academy um must seen.

PS: O anime é realmente tudo isso que eu escrevi, mas não podemos esquecer que os outros dois animes do bloco também tiveram seus primeiros episódios empolgantes, principalmente Sora no Woto, mas infelizmente não conseguiram se manter no sucesso. Torço (e não acredito) para que este não seja o caso de Occult Academy, mas é sempre bom ter cuidado.

Esse post foi publicado em Animes, Primeiras impressões e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Occult Academy – Primeiras impressões

  1. Pingback: Tweets that mention Occult Academy – Primeiras impressões | Gyabbo! -- Topsy.com

  2. irritandere! disse:

    Yo, olha eu denovo , é eu sei já venho irritar aki tbem ! HAUHAUAHAUHAUA
    Sora no Woto tenho todinho baixado mais assisti só até o episodio 6 eu axo
    ñ consguir assistir o resto , c for pra min assistir é só por causa das garotas msmo
    HUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUA
    Rio & Noël eram minhas personagens preferidas

    Occult Academy & H.O.T.D pra min é um dos mlhors animes da temporada
    Tbm gostei da Maya , vc detalhou ela perfeitamente , ela é tudo aÊ q c disse msmo

    OP eu gostei , Nakagawa Shoko perfeita como smpre
    ED é legal , adorei esse negoço com garotas de verdade
    o OP do episodio 14 de bakemonogatari foi com uma garota de verdade tbm
    eu gostei mto

    Occult Gakuin é um anime legal de c assistir , esse anime me seduziu
    tmará q sja um bom anime até o fim, o segundo episodio foi mto legal , dei umas risadas

    já estou na espera do terceiro episodio ,
    então já estou indo , até o proximo post q eu irei comentar

  3. Fanfinir disse:

    NAO LEIA PATO PQ TEM SPOILER E VC VAI FICAR CHATEADOKKKKKKKKKKKKK

    Bom agora voltando ao assunto. Antes de mais nada como nosso mestre citou Sora no woto, que eu tb nao terminei de ver pq tava muito arrastado e sem contexto, parece que conseguem salvar alguma cosia pelos ultimos dois capitulos.

    Quanto ao anime destrinchado aqui eu ja baixei os dois capitulos e pelo review ja era interessante e com essa critica favoravel crei oque me acendou a vontade de assitir o mais rapido possivel!!!

    eu ja assisti HOTD 2 e posso dizer que ta no mesmo ritmo do manga…ate o boing boing esta la (SIM ISSO E UM PEQUENO SPOILER INOFENSIVO PARA QUEM JA LE O MANGA..E É SOMENTE FANSERVICE..SEM CHORO POR FAVOR POVO)…….eu ja li ate o volume 6, capitulo 26 em ingles mas nao vo user cruel kkkkkk.

  4. irritandere! disse:

    Fanfinir deixa o pobre do pato na lagoa , HUAHUAHUAHUAHUAHUA
    ñ comentei no posto de angel beats mais lí todinho ele e lí os comentarios tbm
    é eu perdi tempo lendo todos os comentarios pq é esse tipo de pessoa q eu sou
    HUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUA

    sobre Sora no Woto , Fanfinir vc assistiu o episodio 7.5 ?
    eu gostei , dei ums risadas , e pq raramente Sora no Woto me fez rir viu

    agora sobre Occult Gakuin, eu recomendo esse anime viu
    pelo menos os dois episodio q eu ví foram mto bom e divertido e sombrio
    rí d+ com algumas cenas nesse anime , como já disse esse anime me seduziu
    tomara q continue me seduzindo

    HOTD 2 tbm assistir , assistir 6 vzs , pra min como já disse é o 1º no topo
    2° no topo é Occult Gakuin
    lí tbm todos os volumes lançados de HOTD e o cap 26 em inglês
    anime sguindo o mangá diritinho msmo, alguns crtes mais isso é nrmal em uma animação
    tbm estou na espera do terceiro episodio d HOTD

    vlw aÊ , ADIOSSSSSS!

Os comentários estão encerrados.