Suzumiya Haruhi no Shoushitsu – O desaparecimento de Haruhi Suzumiya

Olá! Quase fim de ano, hein? Como irão passar o Natal? Pelos planos da minha família eu só devo ir à igreja e ficar em casa mesmo para ceiar, só no dia seguinte que irei para aqueles clássicos almoços de família.

Mas como hoje não é dia do bom velinho aparecer, venho para comentar sobre um dos filmes mais aguardados do ano, o que chega a ser irônica visto o clima tenso que a segunda temporada da série deixou. Lançado em DVD/BD há poucos dias e já um grande sucesso de vendas; Suzumiya Haruhi no Shoushitsu – O desaparecimento de Haruhi Suzumiya.

Apesar de achar desnecessário, vamos a uma pequena introdução sobre Haruhi Suzumiya:

Para quem por acaso não conheça, e eu recomendo que procure conhecer, The Melancholy of Haruhi Suzumiya foi uma série lançada em 2006, contando com 14 episódios. Baseada em uma série de light novels, Haruhi Suzumiya contava uma história de uma forma bem diferente do que normalmente se vê em outros animes, com episódios apresentados de forma não-linear. Ligado a isso, tínhamos uma história muito interessante onde a estudante colegial que dá nome à série, Haruhi Suzumiya, forma um clube em sua escola, o SOS Brigade, com o intuito de encontrar viajantes do tempo, ESPER’s e aliens ou outras formas sobrenaturais. A grande questão é que na verdade Haruhi é (ou pelo menos isso é suposto) uma espécie de entidade, com poderes para criar e recriar o universo inteiro. Afim de estudar melhor essa situação, uma alien, uma viajante do tempo e um ESPER entram para o SOS Brigade, que ainda conta com Kyon, o único normal da história toda.

Fonte: https://gyabbo.wordpress.com/2009/09/27/the-melancholy-of-haruhi-suzumiya-2/

A série foi um sucesso gigantesco na época do seu lançamento, fazendo com que os fãs aguardassem ferforosamente (e não estou exagerando) por uma continuação. Três anos depois a estúdio Kyoto Animation resolveu lançar a segunda temporada. E foi aí que as coisas ficaram tensas. Um determinado arco da série, chamado Endless Eight, onde os personagens estavam presos em um loop temporal, conseguiu irritar até mesmo o fã mais hardcore da série por ter oito episódios praticamente iguais.

Muito se comentou sobre o fim da empolgação com Haruhi, mas as esperanças foram renovadas ao final dessa segunda temporada com o anúncio de um movie da série, baseado em um dos arcos das Light Novels, o Suzumiya Haruhi no Shoushitsu.

17 de Dezembro. O protagonista e narrador da história, Kyon, acorda e vai para escola. Escola North High. Seguindo o curso “normal” da vida do SOS Brigade, Haruhi resolve realizar uma festa de Natal, obviamente envolvendo todos os membros do clube. Ignorando todas as regras escolares, Haruhi está empolgada com a sua ideia e nada irá faze-la mudar de ideia.

18 de Dezembro. O protagonista e narrador da história, Kyon, acorda e vai para escola. Escola North High. Pequenas coisas parecem estranhas. Muitos alunos doentes do nada, pessoas com lembranças totalmente diferentes do que Kyon havia vivido, mas principalmente, Haruhi Suzumiya não está e ninguém se lembra dela.

Desesperado, Kyon entra em choque com tudo que está acontecendo, mesmo já habituado com coisas bizarras ocorrendo ao seu redor. Buscando ajuda ele percebe que uma das salas da escola, onde deveria estar seu amigo e ESPER, Koizumi, não existe mais. A viajante do tempo Asahina não lembra absolutamente nada de Kyon e a alien Yuki Nagato não passa de uma garota tímida e viciada em livros. Dentro de tudo isso a única coisa que Kyon e o espectador conseguem pensar é: O que diabos está acontecendo?!

Esse seria o plot básico do filme de Haruhi. Em suas duas horas e quarenta e dois minutos temos apresentados de forma única esse enredo. Você pode até pensar como é longo esse filme, mas a verdade é que os minutos passam despercebidos com a agilidade de narração empregada.

Apesar da grande carga de pensamentos que Kyon tem (quem assistiu a série pode imaginar como é, mas em vista do desespero do personagem, espere isso em uma quantidade bem maior), começando pelo tédio da vida que se acostumou a ter ao lado dos membros da SOS Brigade, indo pelo desespero de estar em um mundo desconhecido e de certa forma assustador, passando pela tristeza da solidão e do conformismo até o surgimento da esperança, temos um fluxo narrativo impecável. Tudo isso é apresentado para o espectador através dos pensamentos de Kyon, expressos de uma forma sensível e emotiva, encaixando-se perfeitamente com o desenvolvimento da história.

O tempo voa em cada uma das revira-voltas que a trama dá, já que cada momento é de uma tensão nova, não há tempo para respirar. Aqui não estou falando de cenas de ação, não é isso. Quero falar sobre um mar de acontecimentos que envolvem o espectador dentro da história.

Apesar do título, Suzumiya Haruhi no Shoushitsu na verdade não tem como foco a personagem Haruhi, sinceramente ela só não é menos importante que o Koizumi, pobre personagem que foi praticamente renegado no filme. A verdade é que os protagonistas são Kyon e Nagato, mas contar mais do que isso seria impossível sem me utilizar de spoilers e não quero estragar a diversão de ninguém. Principalmente nesse filme.

A animação feita novamente pelo estúdio KyoAni mantém o alto nível do estúdio, mas para um filme poderíamos esperar um pouco mais. Nada que diminua as qualidades da obra, definitivamente não, mas em filmes eu sempre espero mais desse quesito.

Por outro lado também temos a volta daquele que pra mim é um dos melhores elencos que um anime já teve. Apesar das luzes estarem focadas muito mais na seiyuu Hirano Aya, voz da Haruhi, cada ator do elenco encaixa-se muito bem em cada um dos seus papéis, ressaltando a ótima atuação de Sugita Tomokazu no papel de Kyon, bastante explorado, e Goto Yuko como Asahina, mas moe impossível na sua versão adolescente, mas versátil o bastante para fazer sua versão adulta.

Uma coisa importante de ser dita é que é impossível aproveitar o filme totalmente sem ter visto os seus antecessores. Só a primeira temporada ainda permite um entedimento do que acontece e a diversão é garantida, mas é apenas assistindo tudo que você poderá ter a experiência completa. As referências são frequentes, algumas vitais para o desenvolvimento do roteiro, por isso recomendo que antes de ver esse filme que veja as séries antes.

Mostrando que a franquia Haruhi Suzumiya ainda tem muita coisa a mostrar, Suzumiya Haruhi no Shoushitsu é um filme de alto nível, com uma direção primorosa, ótima animação, mas, principalmente, com uma história verdadeiramente instigante para contar. Não venha procurar fanservice, não é esse o caminho. Venha com a mente aberta para uma viagem maluca, mas sensacional!


PS: Se eu fosse o Kyon ia ficar paranóico de dormir, tudo acontece com o amanhecer!

Esse post foi publicado em Animes, Movies e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

23 respostas para Suzumiya Haruhi no Shoushitsu – O desaparecimento de Haruhi Suzumiya

  1. Matheus.../ disse:

    Até o momento é a melhor coisa que ja saiu da franquia Suzumiya Haruhi, merecedor de todos os elogios (e premiações) que recebeu.

    Um dos melhores que eu assisti de 2010.

  2. Rubiopaloosa disse:

    essa foi a segunda vez que vi o filme a primeira foi um cam horroso, mas não tinha aquentado esperar.
    a primeria vez que eu vi, me lembro de te ficado em pé por grande parte do filme loco pra ve o que acontecia, e era tudo de bom.
    sim e um filme muito bom que deve ser visto por todos fans de haruhi; eu ainda acho que endless eight foi foda xD.
    agora e so esperar e torcer para que a kyoani faça algo novo com haruhi o/.

  3. Pingback: Tweets that mention Suzumiya Haruhi no Shoushitsu – O desaparecimento de Haruhi Suzumiya | Gyabbo! -- Topsy.com

  4. douglas de freitas disse:

    Primeiramente, belissimo post Denys. Muito legal mesmo. O filme é espetacular. Tudo aquilo que poderiamos esperar e mais um pouco. Me emocionei demais com o filme, uma bela obra sem duvidas. Estava muito ancioso pelo filme. E so aguardar, pois deveremos ter em breve uma surpresa muito grande em 2011 para os fas da serie. Uma nova novel? um anime? nao sei mas existem muitos boatos circulando na net sobre uma grande noticia para o proximo ano…e so aguardar. Ps: alguem saberia me dizer onde podemos comprar o DVD do filme? gostaria muito de ter em casa, vale muito a pena.

  5. Danielle disse:

    Ok, e onde consigo baixar o filme?

  6. Keima disse:

    Esse post é inútil sem o link para download do filme.

  7. JonhMaster disse:

    boa postagem denys, alem de dar uma boa sinopse, ainda teve paciência de publicar um pouco da historia da serie.

    Danielle usa esse site aqui http://www.google.com

  8. Dan disse:

    Vi e achei excelente. Os desesperos de Kyon num mundo bizarro foram bem demonstrados; a Yuki Nagato diferenciada, tímida e emotiva foi algo que surpreendeu, mas pra mim foi uma das que perderam menos as características originais.

    É um filme de reflexão para perguntar: “Onde começa a realidade e termina o sonho?” ou “E se aquele detalhe no passado não ocorresse, minha realidade atual seria esse?”

    A Kyoto Animation salvou a franquia da Haruhi com o movie e curou totalmente do câncer que foi o “Endless Eight”.

  9. Dan disse:

    Aqueles que estão postando e estão pedindo o download, neste blog a filosofia é diferente; ele não postará o links… Vão no Google e procurem ^^

  10. Denys Fantasma Almeida disse:

    Como o Dan comentou, aqui no Gyabbo! você não irá encontrar links para downloads, isso é fácil de achar na internet ou você pode até mesmo me perguntar de boa no Twitter.

    Gyabbo!

  11. Panina Manina disse:

    “Çome do meu blogui!”

    XD

    Não tem link gente.
    Em breve em um cinema bem longe de você.

  12. Power Otaku ^_^x disse:

    O filme é muito bom, mas por algum motivo eu sinto que ele não é tudo isso que falam por ai. Fiquei meio decepcionado (tb, esperei uma eternidade), achei que a história era algo melhor… mas dá pro gasto. É altamente recomendável pra quem assistiu Haruhi Suzumiya TV. Quem não assistiu vai ficar boiando e vai ter a mesma reação de FATE/UB pra quem não jogou e etc. E isso é sério.

  13. Hunxian disse:

    Como membro da SOSDanBR e com 0 de imparcialidade, o filme foi exatamente o que eu esperava: impecável na arte e extremamente fiel à Light Novel.

  14. Em poucas palavras:

    Suzumiya Haruhi no Shoushitsu foi um livro ótimo de ler.

    O filme foi ao nível para essa história tão intrigante e interessante.

    Onde está seu deus agora?!(Ok, isso foi só um toque de haruhista, não conte como parte da opinião XD).

    Beleza de post ;)

  15. Saudações

    Excelente post, Dennys!!!

    O movie envolvendo Haruhi e sua turma é simplesmente ótimo. E a narrativa do Kyon continua em alta.

    Definitivamente, aquele certo arco da segunda temporada para TV foi devidamente apaziguado.

    Até mais!

  16. Pingback: Suzumiya Haruhi no Shoushitsu « Capuccino Gelado

  17. alchemistnany disse:

    O filme é muito bom mesmo! *-* Kyon estava maravilhoso como personagem e narrador que é, pena que a Haruhi não teve participação tão efetiva no filme, apesar que adorei toda história e o rumo que ela tomou \o/

  18. Roberta disse:

    uaaau muito bom, mas muito bom mesmo o seu post. Mas eu queria mais, poderia ter um montão de spoiler e

    AAAH, é que eu terminei de assistir o filme agora e não tem ninguém para que eu possa comentar sobre, só da pra ler e adorei o post xD

    A Nagato estava incrivelmente linda no filme, gostei do enfoque que deram nela. Teve uma parte, aquela que ela está no telhado com o Kyon e ele diz aquilo tudo pra ela, foi difícil não me emocionar. E foi legal também, para que o Kyon percebesse que não pode mais viver sem a Haruhi e todos do SOS. Sem dúvidas foi a melhor obra referente á Suzumiya Harui. Tomara que saia mais uma temporada, se bem que eu preferiria OVAs ou mais um filme.

    Enquanto isso, eu continuo anciosa pelo filme de keion ^__^

  19. suzu-chan disse:

    onde posso baixa a segunda temporada,ps.adorei o seu post

  20. euuuuuuuuu amo muito suzumiya haruhi no yuutsu e tbm gosteii muito do movie bjos

  21. evenflow disse:

    Olá!

    Já li muitas coisas boas sobre o filme mas antes queria ver a série como vocês recomendam… No entanto ao pesquisar pela internet deparei-me com os episódios das duas temporadas organizados segundo uma ordem cronológica dos eventos e também organizados segundo o lançamento.

    Gostava de um conselho sobre que ordem acham a melhor para ver :)

    • Denys Fantasma Almeida disse:

      Veja na ordem de lançamento. Se você não gostar disso não faz muito sentido ver Haruhi, pra mim faz parte de toda experiência ver na ordem de lançamento. Depois que terminar volte e veja na cronológica só para entender melhor alguns pontos.

  22. Pingback: A Melancolia de Suzumiya Haruhi | Bloco De Moedas

Os comentários estão encerrados.