Capas de One Piece pela Editora Panini (Atualizado: 19/01)

Você viu aqui no Gyabbo! em 2011 sobre o anúncio do lançamento de One Piece (e outros grandes mangas) pela editora Panini em 2012. Nesta quarta-feira, além do aniversário de três do blog, a editora Panini revelou através do Twitter da redação da parte de mangas, o @planet_manga, que o manga de One Piece, tanto o volume #1 quanto o #36 foram enviados para gráfica, o que pode significar que o manga não saia em Janeiro, mas sim em Fevereiro, continuando com os costumeiros e infelizes atrasos por parte da editora.

Além disso, foram revaladas as capas dos dois volumes. Trago aqui para você as duas capas e suas respectivas originais japonesas para compararmos:

Clique para ampliar

Pode-se perceber que as capas estão praticamente idênticas, sem nenhum corte na arte original e mantendo o mesmo padrão. Assim como no original japonês, as capas possuem sua arte emolduradas por bordas, mostrando que o problema não são elas, mas sim a utilização delas para fazer o trabalho mais fácil e mentir para o leitor, como fez a JBC.

Gosto muito das capas da Panini que (normalmente) fazem escolhas felizes nas suas adaptações brasileiras. A única diferença que pode ser sentida de One Piece brasileiro para o japonês é o fundo sem o mapa cartográfico. De acordo com Diego Rodeguero, assistente editoral da Panini, o mapa original usado seria este AQUI, mas o mesmo não foi liberado pelos licenciadores para uso. Ainda de acordo com Rodeguero, a editora então tentou usar o mapa oficial da East Blue, mas foi novamente negado, possivelmente por questões de direitos de licença de cada imagem.

Apesar de não ser a melhor escolha na minha opnião, a escolha do fundo em “raios” de luz de tons diferentes não incomodam e se encaixam bem com o resto da arte, principalmente por manter um padrão dentro das capas, algo importantíssimo.

Dessa forma, One Piece começa com o pé direito ao trazer as capas praticamente iguais às originais, mas será um ponto negativo se o manga não conseguir chegar às bancas ainda em Janeiro como anunciado pela editora.

Para quem não sabe ainda, serão lançados dois volumes de One Piece. O volume #1 terá periodicidade mensal e enquanto o volume #36 (de onde a Conrad parou), ambos em formato tankohon, será publicado bimestralmente. Quando o manga mensal chegar ao volume #36, este será reimpresso, dessa forma não é necessário comprar os dois mangas ao mesmo tempo. Até que um dia (veja melhor os cálculos no Anikenkai) os dois lançamentos vão se encontrar e teremos apenas um One Piece nas bancas. Apesar de ainda não estar em venda, One Piece já é um sucesso, esgotando todas as edições reservadas para as lojas onlines.

Atualização: De acordo com informações da editora Beth Kodama da Panini em seu Facebook (e vista por mim no blog JWave) a escolha da cor amarela para o fundo da capa seria uma referência ao título desde primeiro volume “Romance Dawn” (“Dawn” significa “Amanhecer” em inglês”) e ainda uma ligação com algo que acontecerá futuramente em One Piece. Não teremos páginas coloridas, assim como o original japonês, e os termos estão sendo padronizados de acordo com os guias oficiais da série. Desta forma, ao contrário de como foi usado na época da Conrad, o protagonista terá seu nome escrito como “Luffy“. A tradução está por conta de Drik Sada que para realizar uma tradução perfeita está entrando em contato com o próprio Oda quando necessário.

E você? O que achou das capas brasileiras de One Piece pela Panini?

PS: Compare com as primeiras edições da Conrad, Viz (EUA) e Star Comics (Itália):

43 respostas em “Capas de One Piece pela Editora Panini (Atualizado: 19/01)

  1. Não gostei do fundo do volume 1 que a Panini escolheu, aquele amarelo com laranja nao fico bom hisaojfsaiofjsa, eu acho que ficaria melhor se tivessem usado o bege do volume 1 japones ao invés do laranja com amarelo. Ja em relação ao volume 36 eu achei que fico bem bom, os tons de rosa sao bem parecidos com o volume 36 do japao. É uma pena nao terem conseguido o mapa pra porem como fundo, mas mesmo assim eu acho que esse estilo de fundo fico e vai ficar ótimo nessa e nas proximas ediçoes o/

    Curtir

  2. Fazer o que, eu não gostei, mas já que não conseguiram os direitos dos mapas, então é melhor comemorarmos que, pelo menos, temos One Piece no Brasil!

    Curtir

  3. @Guilherme Silva
    hehhe, eu ia falar que a versão brasileira ficou a mais bonita, mas depois de ver essa segunda edição italiana, mudei de ideia (realmente, se assemelha muito com a japonesa) ç_ç ainda assim, palmas para a Panini; a capa ficou bem legal, e eles fizeram o possível para conseguir o mapa para por na capa (ao menos tentaram, né?). Ahhhh, espero que a edição não atrase… e que eu consiga encontrar uma banca por aqui que a venda! x_x’

    Curtir

  4. Estava por fora.
    Por mais que eu tivesse lido algo por cima sobre o re-lançamento de One Piece, não imaginei que fosse ser tão recente,

    De todo modo, as capas ficaram bonitas e vejo agora a chance de colecionar fisicamente esse mangá. :D

    Curtir

  5. Outro ponto negativo, e o mais grave pra mim é não ter o nome do volume (Tipo aquele Romance Down na original). Não sendo isso, estaria totalmente de boa com a capa(entendo não terem os mapas, e não foi uma substituição péééssima). Mas isso do nome me incomodou.

    Curtir

  6. Quero ver como será a lombada! No mais acho que está bem fiel à original! Mas esse código de barra gigante que estraga as capas de todos os mangás da Panini (que faz um ótimo trabalho com capas como Bleach e Eureka Seven).

    Curtir

  7. Me incomoda um pouco a #1 da Panini, prefiro a da Conrad, mas a 36 está muito boa.
    É esperar para ver em mãos, diferenças entre tela e impresso é muito comum.

    Curtir

  8. No vol. 1 eu gostei mais das cores do original e no vol. 36 gostei mais do da Panini. E não achei que esse fundo prejudicou muito a capa, até gostei pelo fato que me lembra um pouco da bandeira naval do Japão.

    Curtir

  9. Pessoalmente também prefiro a capa da Conrad, mas o que importa é o que está por dentro. Estou muito ansioso para checar a seção SBS e as tão famosas notas de final de capítulo da Panini. Parabéns pela ótima resenha e felizes comparações.

    Curtir

  10. o único problema que eu acho foi a escolha de cores pra capa do volume, um beje (como na original) invés desse amarelo ia ser melhor e um vermelho mais escuro também e a cor do nome do autor deveria ter ficado azul eu acho que teria ficado melhor anyway não importa vou comprar de qualquer jeito

    Curtir

  11. A nº 1 ficou meio estranho a cor, pena não ter rolado o mapa, mas me pergunto como a Conrad na época conseguiu e a Panini não? E o código de barras podia ser um lugar mais discreto que não atrapalhe a imagem, bem que é só na contra capa e nem é tão incômodo. O nº do volume o da Conrad era bem mais bacana dentro da Jolly Roger e tals.
    Bem oque importa é finalmente ter One Piece em mãos novamente.

    Curtir

  12. A tradução está por conta de Drik Sada que para realizar uma tradução perfeita está entrando em contato com o próprio Oda quando necessário.

    Entrando em contato com o próprio Oda? O_O
    Ok, se for verdade, acho que não precisamos nos preocupar com a tradução! Agora é só espera lançar e torce pra que distribuam pra todas as bancas

    Curtir

  13. é essa capa não ficou cortada, mas …………bem poderia ter ficado mais fiel?SIm…..mas não ficou tão mal quanto poderia se esperar, e a Panini geralmente tenta manter tudo fielmente, gostei de ver a diversidade de capas( sério pq tem alguns mangás que as capas em outros países ficam melhores que a original)

    Curtir

  14. Vocês não fazem ideia da ÉPICA SORTE que têm em conseguir ter esses mangas adaptados no Brasil! E ainda têm a lata de dizer que é negativo ter de esperar até Fevereiro.
    Quem me dera que o meu problema fosse esperar até Fevereiro. Eu vivo em Portugal e aqui ninguém liga nada aos mangas. Passa uns animes pela Tv, os mais mediáticos, Naruto, Dragon Ball, Full Metal Alchemist, One Piece somente até ao episódio 100.. Uma tristeza, o que eu não dava para que alguém aqui vendesse mangas, considerem-se com muita sorte pela tal editora “Panini” vos fazer esse luxo, e aproveitem e comprem!!

    Curtir

  15. Pingback: Anikenkai - Anime Kenkyuukai

  16. O fundo estragou totalmente essa capa, a da Conrad é beeem melhor, mas temos que agradecer pro resto da vida a Panini estar trazendo One Piece pro Brasil COM QUALIDADE(é o que esperamos) e não é uma capa que vai estrar a nossa leitura.(apesar de estar bem ruim mesmo kk)

    Curtir

  17. vamos ver pelo lado bom ………..teremos one piece em mãos até que enfim ……… tabom que a capa não ficou aquilo que todos estavão esperando ….. e cor da edição 1 tambem num ficou legal
    acho que um Beje para desfarçar e fazer parecer mais com a edição japonesa ficaria muito melhor ( a edição 36 ficou bem legal) …………. bem é isso ai …….. nada é perfeito heheehehhe ( muito tenso)
    agora é só esperar e compra e ler heehehheeh

    Curtir

  18. Amarelo ovo não é exatamente minha cor favorita, mas poderia ser pior (depois daquela capa horrorrível que a Jbc fez para a nova edição de cavaleiros, meus conceitos de “ruim” e “pior” nunca mais foram os mesmos, xD). Bah, pena que eles não conseguiram negociar o fundo de mapa antigo (>>>>all. Estou em dúvida se coleciono ou não One Piece…Por um lado, um monte de gente diz que é legal, e uma reedição a partir do primeiro volume é uma ótima oportunidade para começar; mas por outro, pensar que eu posso acabar morrendo sem nunca chegar ao final da história meio que me desanima a começar a coleção (apesar que, pelo que eu vejo, One Piece tem um jeito meio “comics” de ser: o foco não é uma narrativa com começo, meio e fim, mas sim as aventuras e peripécias pelas quais os personagens passam para que eles supostamente cheguem até esse fim).

    Curtir

  19. Gah, uma parte do meu comentário foi cortada! Vai de novo:
    Bah, pena que eles não conseguiram negociar o fundo de mapa antigo (*pessoa que adora mapas antigos*). Mas a capa italiana é a mais bonita de todas, sem dúvidas.

    Curtir

  20. Pingback: Informações sobre os mangas da Panini em 2012 |

  21. A cor usada no volume 1 ficou feia (pra não dizer horrível), mas a do 36 ficou bonitinha até. É só rezar pra que escolham cores melhores nos próximos 1.000.000 de volumes.

    Curtir

  22. Sempre tem alguém para reclamar, é por isso que one piece nunca dá certo no Brasil. Gostei das capas, não tenho nada do que reclamar.

    Curtir

    • o cara ta pagando, tem o direito de reclamar junior
      só pq os caras cospem na tua cara e tu nao reclama n quer dizer q todo mundo precise ficar queto

      Curtir

  23. Pingback: One Piece #1 – Editora Panini |

  24. preço do mangá da conrad 4 e 50, mas nós temos que pagar 10 reais pelo da panini, n me importo que o da panini seja melhor em qualidade, papel, ou outra porra, afinal, o conteudo sempre será o msm

    Curtir

    • Não vou considerar a inflação e o aumento normal do preço de cada etapa de produção, mas não podemos desconsiderar que a Conrad publicava em formato meio-tanko e a Panini publica em tankohon completo.

      Gyabbo!

      Curtir

Comente e participe da discussão

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s