Hiiro no Kakera – Primeiras impressões

Quando escrevi meu post de apostas para essa temporada de primavera 2012, coloquei Hiiro no Kakera na categoria de “Milagres acontecem”. Depois de ver seu primeiro episódio pude ver facilmente que, dessa vez, o milagre não aconteceu.Hiiro no Kakera é o mais novo anime do estúdio Deen, baseado em uma Visual Novel focada no público feminino lançada originalmente no ano de 2006 para Playstation 2. A história começa quando Tamaki Kasuga, forçada por uma viagem de seus pais, vai passar um tempo na afastada casa de sua avó. Lá ela descobre a existência dos ayakashis e yokais – deuses que por não serem mais adorados se transforam em “demônios” -, existindo mais de 8 milhões deles. Em volta da vila onde a avó de Tamaki mora, existe uma forte barreira que sela o “Onigirimaru”, um poder capaz de destruir o mundo. Para manter essa proteção existem as Princesas Tamayori, que obviamente será o fardo que Tamaki deverá carregar já que sua avó está ficando velha e fraca demais para manter a proteção.

Se o clã Tamayori é responsável por dar a uma de suas descendentes o papel de proteger essa importante barreira, existe outro clã, a família Shugogo, que deve proteger as princesas Tamayori em sua importante missão. Obviamente que os guardiões da família Shugogo seriam todos bishounen, cada um com um clichê desse tipo de história.

Assim temos o baixinho estourado, o sério e forte, o caladão, o mais velho, tudo aquilo que você já viu, só que aqui de uma forma bem pior trabalhada. Pra ser sincero não há muito o que comentar aqui nesse post, Hiiro no Kakera é a adaptação de um Otome Game com uma história até interessante, mas sabemos que a última coisa com que irão se preocupar será com a história, e sim com colocar a heroína em diversas situações onde ela deverá ser protegida pelos belos guardiões.

Ao final do episódio ainda surgiu um grupo de vilões aparentemente comandados por uma garotinha que parece uma boneca, nada que conseguisse me fazer ter o mínimo interesse em seguir para o segundo episódio.

A animação do estúdio Deen é fraca, se salvando apenas nos closes dos rostos dos bishounen que acabam tendo um traço mais refinado, ainda que completamente genéricos. A situação é tão complicada que em uma cena específica eles simplesmente ignoram um ou dois frames e parece mais uma animação em papel do que algo digital. Isso sem falar do CG que se não é a pior coisa já vista, fica longe de agradar os olhos.

Ainda que você seja fã de animes baseados em Otome Games, Hiiro no Kakera não parece uma boa escolha. Nesse caso o melhor seria assistir à UtaPri ou Hakuouki que pra ser sincero já não seriam animes que eu recomendaria (ok, ainda preciso terminar de ver UtaPri, mas quando parei, na metade, havia perdido quase todo o fôlego).

Hiiro no Kakera é ruim, mas possui o seu público que de repente consiga fazer seu sucesso, assim como aconteceu com Hakuouki, mas olhando friamente, é um anime dispensável. Eu já droppei. Mas se quiser ler outra opinião, que tal dar uma olhada no post do Nahel Argama?

Esse post foi publicado em Animes, Primeiras impressões e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

9 respostas para Hiiro no Kakera – Primeiras impressões

  1. HatakeErich disse:

    Tudo muito clichê e personagens por enquanto sem graça…

  2. maahotaku disse:

    Eu amei UtaPri,mas na boa,realmente cansa muitooo essas histórias…principalmente qndo a heroina é meio fraca e fica sempre em perigo….vou dar uma olhadinha depois e ver se concordo com vc a fundo kk.
    Bye.

  3. jasque disse:

    Já dropei Brave 10, esse aí então já tava fora da minha lista de animes pra assistir.

    Bom ver que fiz a escolha certa ^^

  4. O primeiro episódio de Hiiro no Kakera me deu tanto tédio, que eu terminei só por obrigação mesmo, pra ver se melhoraria, mas não. Além de que odeio esse tipo de animação, prefiro traços mais delicados e cores mais vivas, UtaPri tem esse diferencial.

  5. Não Salvo =/ disse:

    Quando vejo “bishounen” ja é qse certeza que é furada (com excessão de hakuouki*-*).
    Dropei Hiiro no 1º episódio, unica coisa q salva o anime é a voz do eterno Gintoki!

  6. Hellen Lily disse:

    Concorco com você em alguns pontos, como a caracteristica de certos personagens serem bem clichê, mas não acho que seja um anime ruim, a história realmente flui de um modo bem lento o que acaba causando tédio, mas acho que a animação gráfica em si é boa, sei lá, não sou bem entendida mdo assunto, mas acho muito bonito os traços de modo geral. Só não dou aquela recomendada, pois acho que o anime apesar de ter um história até legal, não desenvolve bem as cenas!^^

  7. Kanade disse:

    Eu gosto de asistir esse tipo de coisa pra variar um pouco, com cara de serie pequena e light e etc. Mas ao longo dos episodios Hiro no Kakera não mostrou nada… dois episódios eram dispensáveis e a história que poderia ser mais aproveitada, passou como uma explicaçao.
    Resumindo, é “assistivel”, mas totalmente despensavel. Cheguei no episódio 12..

  8. Ella disse:

    Eu amei e ainda bem que a segunda temporada vem aaí!

  9. Thifany disse:

    Nossa, nem é tão ruim assim , pra fala verdade eu gostei muito, e a abertura é muito boa

Os comentários estão encerrados.