11 anos de Gyabbo! – De volta para casa

8 anos depois…

Honobono Log por Naka Fukamachi (@monqkq)

Quase 8 anos atrás, mais precisamente no dia nove de agosto de 2012, eu me despedi desse site para levar o Gyabbo! ao Portal Genkidama. Hoje, ao completar 11 anos de blogagem, retorno para onde tudo começou.

Entre 2012 e 2020 muita coisa aconteceu. Posts detalhando temporadas, coberturas ao vivo de eventos, primeiras impressões e conclusões de animes, correntes de reviews e notícias. Fiz pesquisas e censos, entrevistamos pessoas do mercado, participei de transmissões semanais ao vivo. Conheci muita gente boa (mas algumas nem tanto). Colaborei com outros blogueiros, youtubers e podcasters. Montei um equipe diversa, que me ajudou demais com diferentes visões. Vivenciei essa experiência com muita intensidade, mesmo estando tão longe dos principais centros desse mercado. Ao total, mais de 1500 posts passaram pela minha mão, escrevendo ou editando.

Posso dizer que durante esse tempo o Gyabbo! cresceu bastante, até certo ponto sendo referência no meio. Das quase 20 mil visualizações alcançadas no primeiro ano inteiro do blog, lá em 2009, chegamos ao auge de ter mais de 140 mil em um único mês em meados de 2015. Mas a vida, sempre ela, não para de acontecer. Nesse mesmo período terminei a faculdade de Psicologia, entrei e concluí um mestrado na mesma área. Casei, saí da casa dos meus pais. Por alguns anos fui professor universitário e agora trabalho como psicólogo em um hospital público aqui de Manaus.

Primeiro cartão que fiz para o blog

Em 8 anos muita coisa muda.

Enquanto tudo isso acontecia de um lado, do outro eu mantinha uma luta constante contra a depressão. Tão antiga quanto o próprio blog, essa luta teve seus altos e baixos. Durante muitos anos eu a encurralava, mantinha-a controlada. Por outros, como foram os últimos três anos, ela avançava e pesava sobre mim como uma grande sombra. Justamente por isso, blogar se tornou difícil. O preço do “sucesso” é que você vira seu próprio ideal. Nada menos é suficiente. Soma-se a isso ao cansaço da rotina de trabalho e a atividade se tornou quase que insuportável. O que era pra ser uma expressão criativa, uma conexão com outros fãs de anime e mangas, se tornou um fardo.

Mas precisa ser assim?

Apesar de alguns posts feitos de maneira bem espaçada, desde 2018 eu praticamente não escrevo mais, assim como me afastei bastante dos próprios animes e mangas (esse último principalmente pelos preços absurdos que as editoras cobram hoje). Esse é um lado que sinto falta de explorar. Justamente por isso decidi fazer um retorno.

Quase 8 anos depois volto ao wordpress gratuito, onde tudo começou. Meus planos é voltar a fazer como lá em 2009, um post por semana, normalmente aos domingos, sem obrigações ou grandes pretensões. Apenas um fã escrevendo suas impressões. Quero escrever o que me der interesse, não o que der mais visualizações.

É óbvio que as visitas serão bem menores, ainda mais nesses tempos em que o formato de vídeo ganha o centro das trocas de informação, mas conto com vocês nessa nova caminhada.

Confira também:

6 respostas em “11 anos de Gyabbo! – De volta para casa

  1. Oi Denys. Descobri seu site lá pelos idos de 2011 quando comecei a descobrir os animes. Sempre que precisava de informações de qualidade ou indicações de novas séries visitava o Gyabbo. Com o passar dos anos acabei também me distanciando dos animes e agora só vejo uma ou outra série pontualmente. Me parece que os personagens, as histórias e os clichês ficaram repetitivos de mais. Mesmo assim, desejo sucesso nessa nova fase pois nada melhor do que fazer ou estudar arte para nos entender melhor, refletir e ocupar o tempo. E fica uma sugestão de pauta: será que as animações estão de fato mais repetitivas e com menos qualidade ou é a maturidade que nos faz perder a atração pelos animes e mangás?

    Abraços,
    Mateus

    Curtir

Comente e participe da discussão

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s