Norageki! – Five Numbers

Nesse período onde a maioria dos novos animes não anda me empolgando, fui atrás de algumas coisas novas e entre elas assisti recentemente a um OVA que estava há algum tempo no meu HD esperando ser visto: Norageki! – Five Numbers.

Obra de 2011 do estúdio Sunrise feita quase completamente com uma animação em CGI, acaba valendo a pena mais pela experiência de algo diferente do que por ser realmente bom como um Cencoroll.

Continuar lendo

Gyo (OVA)

Apesar de não ter nada contra o gênero, é verdade que não sou um grande leitor de títulos de horror. Posso contar nos dedos os poucos mangas e animes desse gênero que eu consumi. Um deles foi Gyo, obra do notável autor de horror, Junji Ito, responsável pelo famoso manga Uzumaki que havia chegado aqui no Brasil pela Conrad, mas que eu nunca tive chance de ler.

Gyo compõe dois volumes compilados, tendo sido publicado originalmente na revista seinen Big Comic Spirits entre 2001 e 2002. Sendo sincero, primeiro eu li uma outra história que compõe um dos volumes de Gyo; “The Enigma of Amigara Fault”. A partir dessa história eu fui automaticamente fisgado para ler o mais me esperava em Gyo e sua história principal. Continuar lendo

Koi Suru Boukun

Atenção: Este post contém imagens de cunho sexual que podem não ser recomendadas para menores de 18 anos. Não me responsabilizo pelo acesso ao post tendo avido isto.

Muito se fala da progressiva forma como a indústria de anime vem se voltando cada vez mais agressivamente para um nicho de fãs que apesar de fiéis, prima muito mais por personagens idealizados ao invés de histórias bem desenvolvidas. Os chamados aqui no ocidente como “Otaku hardcore” são quase um sinônimo de câncer para muitos, levando boa parte do financiamento para as produções moe.

Mas outro nicho de fãs tãos fiéis quanto homens adultos atrás de garotinhas são as fujoshi, mulheres fãs de anime e manga onde procuram por histórias que contenham um envolvimento homossexual entre os personagens – Boys Love -, ou pelo menos que possa gerar nas materiais não oficiais tais relações (vide o grande sucesso de Tiger & Bunny com esse público).

Continuar lendo

Carnival Phantasm – 10 anos da Type-Moon

Acontecendo uma vez a cada dez anos, existe um período onde vários caminhos se cruzam. Transcende obrigações, circunstâncias e a moralidade. O carnaval começa! Uma nova dimensão onde aqueles que nunca se encontram podem se ver: Carnival Phantasm!

A Type-Moon é uma empresa de japonesa de jogos, famosa principalmente por suas visual-novels que geraram mangas e animes Fate/Stay Night e Tsukihime. Fundada em 2000, lançou nesse mês de agosto o anime Carnival Phantasm, baseado no manga Take Moon, para comemorar dez anos da empresa (não me perguntem por que saiu apenas no segundo semestre de 2011).

Continuar lendo

Black Rock Shooter – OVA

Olá minha gente, como estão todos? Espero que bem! O tempo está passando, amanhã tenho que acordar cedo para uma reunião que eu não estou com a mínima vontade de ir, porém irei né… Mas ainda sim, sempre guardo um tempo para vir atualizar o blog, impressionante como não acabam os animes para comentar!

Antes de ir para o post de hoje, você já votou na segunda enquete do Censo Gyabbo!? Dessa vez a pergunta é sobre a sua idade. Além de votar na faixa etária, seria bom se você pudesse comentar na enquete em si ou no post sobre ela. Conto com os votos de todos que passarem por aqui!

Mas vamos lá, let’s rock, o post hoje é sobre Black Rock Shooter!

Continuar lendo