Sankarea – Primeiras impressões

“Zumbi, otaku de zumbi, garota depressiva, ecchi. Milagres acontecem…”

É, e a julgar pelo primeiro episódio de Sankarea estamos presenciando um milagre acontecer. Continuar lendo

Boku wa Tomodachi ga Sukunai – Haganai – Conclusão

Quando escrevi sobre Boku wa Tomodachi da Sukunai (ou Haganai) nas minhas primeiras impressões, escrevi de forma positiva sobre a série, ressaltando sua bom equilíbrio entre um drama simples e uma comédia moderada. Minha preocupação única se baseava no fato da abertura e do enredo mostrarem um alto potencial para o fanservice, algo que nos primeiros episódios não havia sido muito explorado. A série conseguiu manter o bom padrão inicial ou caiu nos erros de sempre desse tipo de material? Veremos. Continuar lendo

Sora no Otoshimono – Editora Panini – Vol. 1

Quando estive em São Paulo pela última vez, data na qual realizamos o maior encontro de blogueiros de anime, manga e cultura pop japonesa (e amigos), fui surpreendido pela então notícia do Chuva de Nanquim de que a editora Panini havia licenciado Sora no Otoshimono.

Como previram os amigos que estavam comigo no momento (Nisishima, DidCart do Anikenkai e Carlírio do Netoin!), aquela não era exatamente uma notícia que me agradava muito, principalmente pelo contato anterior com a adaptação em anime da obra, marcada pelo fanservice e pelo icônico encerramento com calcinhas voando. Não passava pela minha cabeça comprar esse lançamento, mas quando fui contatado pela agência SIMPLE Brasil, contratada pela Panini, para comentar das promoções que eles estariam fazendo em cima do título e receber um dos volumes como cortesia, resolvi não ser injusto, dar uma lida no material. Vai que me surpreende?

Continuar lendo

Boku wa Tomodachi ga Sukunai – Primeiras impressões

Quando escrevi o meu post com comentários rápidos sobre os animes da temporada de Outono, classifiquei Boku wa Tomodachi ga Sukunai na categoria “Milagres acontecem, né?”. Antes da estreia, ainda assisti ao episódio zero, o que quase fez com que eu nem sequer desse um chance ao seu primeiro episódio. Felizmente, depois de ler um comentário rápido do Didcart do blog Anikenkai no Twitter, mudei de ideia.

Original de uma light novel lançada desde 2009 pelo autor Yomi Hirasaka e ilustrada por Buriki e que já conta com sete volumes, Boku wa Tomodachi ga Sukunai é a nova investida da divisão Build do estúdio AIC, responsável anteriormente pelo ruim, mas muito comentado Ore no Imouto ga Konnani Kawaii Wake ga Nai (deve ser necessário ter um nome enorme para ganhar adaptação dessa divisão).

Continuar lendo

Por que não simpatizo com a maioria dos animes ecchi?

Então pessoal, domingo terminando, com ele o final das minhas férias também está chegando próximo do fim, praticamente uma semana sobrando apenas, esse ano promete ser duro! Mas vou buscar aproveitar esses poucos dias que me restam.

Eu ia escrever sobre o lançamento de Sailor Moon em DVD e o porquê de eu estar achando que estamos prestes a ver um grande #Fail, mas um outro assunto acabou vindo à tona e mudei meus planos.

Hoje eu estava tranquilo no Twitter, sem muito o que fazer depois de mais uma vitória do Flamengo, quando resolvi colocar o link do formspring do blog para receber algumas perguntas. Entre elas, recebi esta:

Porque você odeia tanto o ecchi? Não gosta de ver garotas bonitas em situações interessantes?

Continuar lendo