Sora no Woto – Conclusão

Olá a todos, venho meio tarde fazer o costumeiro post semanal por hoje ter passado o dia fora de casa e por ter que terminar de assistir um anime para poder comenta-lo hoje aqui. Muitas séries estão terminando e logo as de primavera irão começar, então estejam preparados para uma chuva de posts, que não deve obedecer o esquema de um post por domingo. Mas indo ao que interessa no momento, hoje chega o post de conclusão de Sora no Woto.

Continuar lendo

Sora no Woto – Primeiras impressões

E começou! Finalizando 2009 com os melhores animes na minha opinião, o assunto agora é 2010. E dos animes esperados finalmente saiu o primeiro, Sora no Woto.

*Se você é uma pessoa sensata e que sabe interpretar um texto, pule os dois próximos parágrafos*

Antes de começar com as minhas primeira impressões sobre esse novo anime, queria deixar umas coisas claras antes. Recebo muitos comentários ruins pelo meu já antigo post sobre as primeiras impressões sobre o anime Nedless, que não tive paciência e vontade de ver mais que um episódio. Tirando os xingamentos e outras coisas inúteis, muitos afirmam que eu devia ver o anime inteiro (ou pelo menos 5 episódios em média) pra poder julgar um anime. Mas a questão é, como o próprio nome diz, e eu achava que isso era claro já que é algo corriqueiro em qualquer blog de anime, são apenas as primeiras impressões.

É claro que eu posso estar errado ao dizer que algo é bom ou ruim baseando no primeiro episódio, mas a ideia é apenas dar uma ideia sobre as novidades. Muitos blogs fazem acompanhamento episódio por episódio dos animes. Não é o meu caso e nem pretendo isso. Por isso quero deixar claro, são apenas opiniões iniciais, não veja um anime baseado apenas na minha opinião, leia outros blogs (tem vários excelentes aqui no menu ao lado), veja o anime por conta própria, tire as suas conclusões.

*Pode voltar a ler*

Outra coisa que queria avisar é que viajo essa quinta-feira e só devo voltar na terça, então minhas primeiras impressões sobre Durarara!! e Dance in the Vampire Bund vão atrasar um pouco. Peço a compreensão.  Mas agora sem mais enrolação vamos ao que interessa!

Duas coisas chamaram a atenção de todos quando esse anime foi anunciado. (1) “K-ON! 2”, “K-ON! no exército?!”. É, o enredo básico de um grupo de garotas moe em uma história que envolve música com certeza lembraria (e muito provavelmente foi pensado para lembrar) o sucesso de K-ON!. Animado pelo estúdio A-1, o traço lembra e enganaria qualquer um, podendo muito bem pensar que se trata de um anime da KyoAni, o que inclui uma animação bonita, fluida e bem executada, marca dos dois estúdios.

Outro ponto que chamou atenção no seu lançamento foi por se tratar do primeiro anime de um novo bloco, o Anime no Chikara, voltado para produções originais, algo que muitas vezes já foi sinônimo de qualidade no mundo dos animes (Cowboy Bepop, Higashi no Eden são exemplos). Então, a questão era muito 8 0u 80. Ou seria um plágio mal feito de K-ON! ou um bom anime original. Assistindo ao primeiro episódio, fico com a segunda opção.

Apesar do traço semelhante (pra não dizer igual), do enredo básico e do moe, as duas obras não tem tanta semelhança. Enquanto K-ON! foi um eficiente anime slice of life, Sora no Woto parece que será muito mais. Situado na cidade de Seize, a jovem Kanata Sorami é destacada para a 1121º tropa, onde só trabalham garotas. Seu sonho? Ser a trompetista do exército, apesar de ser muito ruim nisso.

Esse episódio inicial, apesar de muitas cenas do quotidiano e de alguns momentos moe/ecchi, tratou de apresentar logo uma grande história na cidade de Seize, chegando a um ponto bem interessante, o que me faz acreditar em um bom desenvolvimento no enredo, diferente do que vimos em K-ON!.

Sora no Woto parece uma mistura de slice of life com aventura, e apesar das semelhanças técnicas, tem tudo para trilhar um caminho próprio e começar bem a temporada de inverno (ok, na verdade ela já começou tem tempos com coisas como Chu-Bra, mas vamos ignorar).

Infelizmente a abertura do anime não foi apresentada nesse primeiro episódio. Seu encerramento porém, foi, sem nada de empolgante, apenas mediano. Sora no Woto é dirigido por Mamoru Kanbe que já trabalhou em animes relevantes, foi diretor de Elfen Lied, trabalhou em Baccano! e Sakura Card Captor, então é possível esperar dele um bom trabalho, que já foi mostrado nesse primeiro episódio.

Já o time de seiyuus está bem equilibrado, temos as experientes Kobayashi Yuu, Endo Aya e Eri Kitamura, além da pouco experiente Yuuki Aoi e de Juri Aikawa, que em seu primeiro papel conseguiu logo uma protagonista, fazendo seu trabalho com qualidade, é para ficar de olho nela!